A Redação na Unicamp no Vestibular 2021 – Proposta 1

Uma das características mais peculiares do vestibular da Unicamp, um dos mais concorridos do país, é a proposta de redação. A cada ano, somos surpreendidos com os gêneros escolhidos, que podem ir de uma carta a um podcast. Por ter possibilidades tão variadas, há algum tempo tratamos nesta coluna de uma série de gêneros mais formais (daqueles que aprendemos na escola), mas até os mais informais (podcast que o diga!) podem aparecer como tarefa na segunda fase da Comvest. Além desses artigos tratando de gêneros, sugiro que todos os que desejam prestar esse vestibular em específico também confiram o artigo da semana passada, que tratava dos critérios de correção da redação, que é aplicado independentemente do gênero pedido. Feito isso, vamos analisar juntos mais especificamente a primeira proposta deste ano.

Fonte: https://comentario.fariasbrito.com.br/vest/index.php?vid=111

Em primeiro lugar, é de extrema importância atentar-se ao tema e ao gênero e cumprir as exigências dos mesmos, já que cada um deles tem seu critério e nota na grade de avaliação da redação da Unicamp. Nessa primeira proposta do vestibular de 2021, o tema foi a retirada ou não de estátuas de colonizadores do pátio de uma escola. Envolto no tema, estava o gênero, que exigia um posicionamento do aluno, esse devendo imaginar-se como um candidato a vereador que estava disposto a resolver a questão. Ao apresentar seu discurso político na escola, como pedido pela proposta, deveria haver um balanço das duas visões tidas pelos alunos da escola que motivavam a retirada ou não das estátuas. A partir disso, era necessário que o candidato a vereador também se posicionasse a favor de uma das duas visões, argumentando para que convencesse os que não concordassem. É importante lembrar que o gênero discurso político tem suas particularidades: cumprimenta os ouvintes, explicita o objetivo e expõe as razões para o posicionamento. Deixar tais características (que tanto já ouvimos na TV, em comícios etc.) bem salientadas é o que faz o gênero ser bem executado.

Por fim, outra característica única da Unicamp é que ela não exige o uso de conteúdo externo das áreas de conhecimento em suas redações. Na verdade, ela espera um uso produtivo, bem feito dos textos motivadores apresentados. Na proposta em análise, temos seis excertos. O primeiro é a definição do verbete “bandeirante” do dicionário Houaiss. Em seguida, temos um trecho de um posicionamento contrário à eliminação de estátuas, justificado pelo argumento trata as mesmas como “memória social”. O terceiro texto motivador traz uma tirinha que critica as figuras representadas nas estátuas através do humor de quebra de expectativa. No quarto, há sugestões de variadas soluções para as estátuas que já não forem mais desejadas em exposição pública. Encerrando, os dois últimos trechos mencionam partes da história dos bandeirantes e jesuítas, ambos representados nas estátuas que estão sendo questionadas na escola na qual fará o discurso.

Após a leitura atenta dos trechos motivadores, vale separar os argumentos mais interessantes para o discurso a ser desenvolvido e dependendo do posicionamento do suposto candidato a vereador. Se for possível, “resvalar” em todos os textos é uma boa ideia, já que será necessário expor os dois posicionamentos que estão em voga na escola. É necessário, no entanto, fugir de meras cópias e paráfrases. A escrita do discurso deve demonstrar que o aluno leu os textos com atenção e soube utilizá-los para tanto a) expor as duas vertentes de pensamento existentes e b) demonstra o porquê de seu posicionamento ser o mais sensato. No final, assim como estamos acostumados a ouvir nesse tipo de discurso, encerra-se com um agradecimento e despedida dos ouvintes.

O que acharam do tema da primeira proposta de redação da Unicamp 2021? Escrever um discurso político parece simples ou nem tanto? Contem tudo pra gente nos comentários, não se esqueçam de voltar na semana que vem para tratarmos da segunda proposta da Unicamp nesse ano e até a semana que vem!

Além das postagens sobre os temas de redação toda semana, você pode se preparar ainda mais para a prova de redação do Enem com o curso de redação Nota 1000 do portal InfoEnem! Você fará redações que serão corrigidas no mesmo modelo do Enem, e receberá comentários e dicas da nossa equipe! Clique aqui para saber mais sobre o curso de redação!

Acesse o portal InfoEnem e tenha acesso aos melhores conteúdos e informações sobre o Enem 2021!

Por quê, Porquê, Porque e Por que: aprenda a diferença entre cada um para não errar no Enem!

A língua portuguesa é de fato muito rica e por isso traz um grande número de possibilidades para algumas palavras e isso, às vezes, pode causar dúvidas aos falantes de seu idioma. Uma dessas dúvidas mais comuns está ligada ao uso dos “porquês”. Na fala não há motivo nenhum para preocupação, mas na hora da escrita em norma padrão quase sempre é feita uma consulta para saber a diferença entre um e outro e não fazer feio no texto.
https://infoenem.com.br/por-que-porque-porque-e-por-que-aprenda-a-diferenca-entre-cada-um-para-nao-errar-no-enem/

O que é SiSU?

É o sistema informatizado do MEC por meio do qual instituições públicas de ensino superior (federais e estaduais) oferecem vagas a candidatos participantes do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio).
https://infoenem.com.br/como-funciona-o-sisu/

Manual do SISU e PROUNI

Manual do SISU e PROUNI

Receba gratuitamente

Não enviamos spam. Seu e-mail está 100% seguro!

Sobre o Autor

Vanessa Christine Ramos Reck
Vanessa Christine Ramos Reck

Possui graduação em Letras - Língua Portuguesa pela Universidade Estadual de Campinas(2011). Tem experiência na área de Letras. http://lattes.cnpq.br/6444202678156917