AmarElo – É tudo pra ontem!

Na última semana ocorreu o lançamento do resultado da parceria entre o rapper Emicida (laureado no Grammy latino de 2020 como autor do melhor álbum de rock ou música alternativa) e o serviço de streaming da Netflix – o documentário AmarElo: É tudo pra ontem!

O documentário navega pelo show mais significativo para o álbum AmarElo, que ocorreu no Theatro Municipal de São Paulo. Além de mostrar as principais faixas do álbum e como elas surgiram, o longa também aborda os fatores intrínsecos de composição do novo trabalho do rapper e como eles se relacionam com a história do Brasil.

Pensando em como os temas apresentados no filme podem ser utilizados no ENEM, listamos quatro pontos importantes da produção – e com toda certeza vão aumentar sua vontade de assistir essa incrível produção, então vamos lá!

Ponto 1: História do Brasil

O filme literalmente desenha (para que todo mundo entenda de uma vez por todas!) como o processo histórico da escravidão no Brasil foi extremamente desumano, cruel e deixou marcas profundas na sociedade brasileira e mundial, contribuindo para a consolidação do atual sistema econômico. Emicida aborda as questões de ancestralidade da população negra brasileira, mesclando suas próprias vivências familiares com outras histórias, a fim de mostrar como espaços como o próprio Theatro Municipal foram e ainda são extremamente segregados. Muitas pessoas pisaram no espaço pela primeira vez durante o show que foi base para a produção do documentário. Você já tinha parado para pensar em como alguns espaços históricos ainda são racialmente e socialmente segregados?

Ponto 2: Racismo

Como já foi dito antes, o filme de Emicida aborda questões de discriminação racial com maestria, ilustrando como elas marcaram o passado do Brasil e ainda se manifestam no cotidiano. Um exemplo muito importante é o do Movimento Negro Unificado, que sofreu muita repressão no começo de seu desenvolvimento – repressão policial inclusa – e até os dias de hoje ainda precisa sofrer com posturas racistas da sociedade civil e das instituições governamentais.

Ponto 3: Filosofia

O longa traz reflexões sobre ancestralidade, cultura, sociedade, valores, negritude e comportamento humanos, ilustrando de onde esses fatores se originam e como ainda se manifestam em nosso cotidiano. A frase chave do filme tem profunda conexão com a filosofia iorubá: “Exu matou um pássaro ontem, com a pedra que arremessou hoje”.

Ponto 4: História do Hip-Hop e do Samba

Finalmente, desde seu começo até o final, o filme aborda a história do rap e do hip-hop, mostrando como o movimento se originou nos Estados Unidos e veio para o Brasil; vindo para cá, o hip hop ganhou novas formas, mesclando-se com a influência do samba e da mpb, originando algo totalmente novo que se manifesta na própria música de Emicida. Em AmarElo podemos observar o tradicional Hip-Hop com contornos distintos, incorporando sons da tradição afro-brasileira, além do samba (na faixa Quem tem uma amigo tem tudo, com Zeca Pagodinho) e do próprio rock (na faixa Pequenas Alegrias da Vida Adulta).

Agora que já sabemos mais sobre o novo filme, vamos resolver uma questão que relaciona temas de AmarElo: é tudo pra ontem com o ENEM! Me conta nos comentários se você curtiu o filme!

ENEM 2011

Texto I

A escravidão não é algo que permaneça apesar do sucesso das três revoluções liberais, a inglesa, a norte americana e a francesa; ao contrário, ela conhece o seu máximo desenvolvimento em virtude desse sucesso. O que contribui de forma decisiva para o crescimento dessa instituição, que é sinônimo de poder absoluto do homem sobre o homem, é o mundo liberal.

Losurdo, D. Contra-história do liberalismo. Aparecida: Ideias & Letras, 2006 (adaptado).

Texto II

E, sendo uma economia de exploração do homem, o capitalismo tanto comercializou escravos para o Brasil, o Caribe e o sul dos Estados Unidos, nas décadas de 30, 40, 50 e 60 do século XIX, como estabeleceu o comércio de trabalhadores chineses para Cuba e o fluxo de emigrantes europeus para os Estados Unidos e o Canadá. O tráfico negreiro se manteve para o Brasil depois de sua proibição, pela lei de 1831, porque ainda ofereceu respostas ao capitalismo.

Tavares, L. H. D. Comércio proibido de escravos. São Paulo: Ática, 1988 (adaptado).

Ambos os textos apontam para uma relação entre escravidão e capitalismo no século XIX. Que relação é essa?

a) A imposição da escravidão à América pelo capitalismo.

b) A escravidão na América levou à superação do capitalismo.

c) A contribuição da escravidão para o desenvolvimento do sistema capitalista.

d) A superação do ideário capitalista em razão do regime escravocrata.

e) A fusão dos sistemas escravocrata e capitalista, originando um novo sistema.

Alternativa correta – c

Acesse o portal InfoEnem e tenha acesso aos melhores conteúdos e informações sobre o Enem 2020!

Por quê, Porquê, Porque e Por que: aprenda a diferença entre cada um para não errar no Enem!

A língua portuguesa é de fato muito rica e por isso traz um grande número de possibilidades para algumas palavras e isso, às vezes, pode causar dúvidas aos falantes de seu idioma. Uma dessas dúvidas mais comuns está ligada ao uso dos “porquês”. Na fala não há motivo nenhum para preocupação, mas na hora da escrita em norma padrão quase sempre é feita uma consulta para saber a diferença entre um e outro e não fazer feio no texto.
https://infoenem.com.br/por-que-porque-porque-e-por-que-aprenda-a-diferenca-entre-cada-um-para-nao-errar-no-enem/

O que é SiSU?

É o sistema informatizado do MEC por meio do qual instituições públicas de ensino superior (federais e estaduais) oferecem vagas a candidatos participantes do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio).
https://infoenem.com.br/como-funciona-o-sisu/

Manual do SISU e PROUNI

Manual do SISU e PROUNI

Receba gratuitamente

Não enviamos spam. Seu e-mail está 100% seguro!

Sobre o Autor

Raphaele Godinho
Raphaele Godinho

Raphaele Godinho: Estudante de Relações Internacionais, coordenação do movimento Resgatando e Valorizando a Mulher, Three Dot Dash Global Teen Leader 2020 by We Are a Family Foundation.