Encontros Vocálicos

Dando uma pausa na sequência de artigos sobre gramática com dúvidas comuns de escrita, hoje trataremos de uma pauta um pouco mais técnica, mas necessária. Em artigos futuros, ela será bastante útil para evitarmos erros comuns na ortografia. Os encontros vocálicos são o tema dessa semana!

Encontros vocálicos ocorrem quando duas ou três vogais aparecem juntas em uma palavra. No entanto, dependendo da quantidade de vogais e da separação silábica que se faz delas, há um nome diferente para cada encontro. Vamos conhecê-los e entendê-los melhor!

Tritongo

Como o nome já dá a pista, o tritongo ocorre quando há três vogais juntas na mesma palavra e na mesma sílaba. Alguns exemplos:

Sa-guão, Pa-ra-guai, quais, U-ru-guai, en-xa-guei, a-ve-ri-guou.

Ditongo

Mais uma vez o nome nos dá uma pista e, no caso do ditongo, o encontro vocálico deve ser formado por duas vogais na mesma sílaba. Alguns exemplos:

Quan-to, mais, a-guen-tar, a-néis, não, ou-tro.

Hiato

Aqui, é só lembrar da série favorita: cada vez que ela dá uma pausa entre uma temporada e outra, esse intervalo é chamado de hiato. Então, diferentemente do ditongo, o hiato é quando duas vogais aparecem juntas na palavra mas não na separação de sílabas. Alguns exemplos:

O-ce-a-no, jo-e-lho, pa-ti-o, ó-le-o, hi-a-to, sa-ú-de.

Viram? Não é nada complicado reconhecer cada um desses encontros vocálicos! Alguns exercícios de prática podem ajudar a fixar bem as diferenças. Conhecê-las e identificá-las bem será uma mão na roda na resolução de uma das dúvidas mais comuns da escrita, sobre a qual vamos tratar no próximo artigo de gramática. Mas sem spoilers! É só ficar de olho no InfoEnem e praticar até lá! Até a próxima!

Acesse o portal InfoEnem e tenha acesso aos melhores conteúdos e informações sobre o Enem 2021!

Por quê, Porquê, Porque e Por que: aprenda a diferença entre cada um para não errar no Enem!

A língua portuguesa é de fato muito rica e por isso traz um grande número de possibilidades para algumas palavras e isso, às vezes, pode causar dúvidas aos falantes de seu idioma. Uma dessas dúvidas mais comuns está ligada ao uso dos “porquês”. Na fala não há motivo nenhum para preocupação, mas na hora da escrita em norma padrão quase sempre é feita uma consulta para saber a diferença entre um e outro e não fazer feio no texto.
https://infoenem.com.br/por-que-porque-porque-e-por-que-aprenda-a-diferenca-entre-cada-um-para-nao-errar-no-enem/

O que é SiSU?

É o sistema informatizado do MEC por meio do qual instituições públicas de ensino superior (federais e estaduais) oferecem vagas a candidatos participantes do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio).
https://infoenem.com.br/como-funciona-o-sisu/

Manual do SISU e PROUNI

Manual do SISU e PROUNI

Receba gratuitamente

Não enviamos spam. Seu e-mail está 100% seguro!

Sobre o Autor

Vanessa Christine Ramos Reck
Vanessa Christine Ramos Reck

Possui graduação em Letras - Língua Portuguesa pela Universidade Estadual de Campinas(2011). Tem experiência na área de Letras. http://lattes.cnpq.br/6444202678156917