Funções inorgânicas no Enem 2020

Em nossa postagem de hoje vamos estudar sobre um conteúdo muito relevante para a química, que são as funções inorgânicas. Para isso, vamos apresentar os principais conceitos sobre os ácidos, bases, sais e óxidos. Ao final, será apresentado um exercício retirado do próprio Enem, para ilustrar como este conteúdo é normalmente utilizado no exame.

Funções inorgânicas

Para entendermos as funções inorgânicas é necessário primeiro entender um pouco sobre a Teoria da Dissociação Iônica, apresentada por Svante Arrhenius. De acordo com o físico alemão, as soluções iônicas são aquelas capazes de transportar corrente elétrica devido à quebra da molécula iônica ao entrar em contato com a água, resultando em íons positivos (cátions) e negativos (ânions). Tal reação recebe o nome de ionização.

Desta forma, Arrhenius definiu os ácidos como aqueles compostos que sofrem ionização na água e liberam íons H+. Por exemplo, na ionização do ácido clorídrico mostrada abaixo, o cátion formado é o hidrogênio (H+).

Já as bases foram definidas pelo químico como os compostos que liberam como ânions as hidroxilas (OH). Na ionização do hidróxido de sódio mostrada abaixo, são formados o cátion sódio (Na+) e a hidroxila como ânion (OH).

Por sua vez, os sais são definidos como substâncias que, em seu processo de ionização, liberam pelo menos um ânion que não seja a hidroxila e pelo menos um cátion que não seja o hidrogênio. Observe no exemplo abaixo o processo de ionização do cloreto de potássio (KCl), ilustrando o que foi dito anteriormente.

Por fim temos os óxidos. No entanto, os óxidos serão os únicos compostos desta postagem em que não utilizaremos a Teoria da Dissociação Iônica. Isso porque os óxidos são compostos por dois elementos e o oxigênio presente será sempre o elemento de maior eletronegatividade. Um dos óxidos mais conhecidos é o óxido de enxofre (SO2), onde o enxofre é menos eletronegativo do composto químico.

Questão do Enem – 2019

Para ilustrar como este conteúdo costuma ser abordado nas provas do Enem, traremos a seguir uma questão retirada da prova de 2019 (2ª aplicação), mostrando como as funções inorgânicas são cobradas no exame.

O mármore, rocha metamórfica composta principalmente de carbonato de cálcio (CaCO3), é muito utilizada como material de construção e também na produção de esculturas. Entretanto, se peças de mármore são expostas a ambientes externos, particularmente em grandes cidades e zonas industriais, elas sofrem ao longo do tempo um processo de desgaste, caracterizado pela perda de massa da peça.

Esse processo de deterioração ocorre em função da”

a) oxidação do mármore superficial pelo oxigênio.

b) decomposição do mármore pela radiação solar.

c) onda de choque provocada por ruídos externos.

d) abrasão por material particulado presente no ar.

e) acidez da chuva que cai sobre a superfície da peça.

Alternativa correta: e

Acesse o portal InfoEnem e tenha acesso aos melhores conteúdos e informações sobre o Enem 2020!

Por quê, Porquê, Porque e Por que: aprenda a diferença entre cada um para não errar no Enem!

A língua portuguesa é de fato muito rica e por isso traz um grande número de possibilidades para algumas palavras e isso, às vezes, pode causar dúvidas aos falantes de seu idioma. Uma dessas dúvidas mais comuns está ligada ao uso dos “porquês”. Na fala não há motivo nenhum para preocupação, mas na hora da escrita em norma padrão quase sempre é feita uma consulta para saber a diferença entre um e outro e não fazer feio no texto.
https://infoenem.com.br/por-que-porque-porque-e-por-que-aprenda-a-diferenca-entre-cada-um-para-nao-errar-no-enem/

O que é SiSU?

É o sistema informatizado do MEC por meio do qual instituições públicas de ensino superior (federais e estaduais) oferecem vagas a candidatos participantes do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio).
https://infoenem.com.br/como-funciona-o-sisu/

Manual do SISU e PROUNI

Manual do SISU e PROUNI

Receba gratuitamente

Não enviamos spam. Seu e-mail está 100% seguro!