Little Fires Everywhere e a desigualdade social

Você já deve ter visto a Reese Witherspoon (foto abaixo) atuando em filmes como Legalmente Loira na sua infância ou adolescência, mas e em um drama social ambientado nos anos 1990?

A série Little Fires Everywhere, lançada pelo serviço de streaming Hulu e distribuída também pela Amazon Prime, é tudo isso e mais um pouco. Adaptada do livro de mesmo nome da autora Celeste Ng, a trama gira em torno de duas mulheres muito diferentes, com muitas histórias para contar.

Mesmo ambientada há muitos anos, o seriado aborda em seus oito episódios temas muito importantes para atualidade, como diversidade sexual e de gênero, direitos reprodutivos, acesso à educação superior, machismo, mas principalmente racismo e desigualdade social.

A história segue duas moradoras de Shaker Heights, em Ohio: Elena Richardson (interpretada por Reese, jornalista de um pequeno jornal, mãe de quatro adolescentes) e Mia Warren (interpretada por Kerry Washington, uma artista de renome, mas que vive miseravelmente com a filha adolescente, Pearl, de um jeito quase nômade).

Mia começa a viver pagando aluguel para Elena assim que chega a Shaker, uma cidade regada por desigualdade social e racial, que aos poucos vai mostrando sua verdadeira face. Tentando agradar a filha, Mia se vê inclinada a ficar permanentemente na cidade e por isso aceita trabalhar como governanta para Elena.

Aos poucos as duas mulheres, que têm uma relação cheia de tensão e intrigas, começam a ver suas vidas ficarem cada vez mais próximas, bem como seus filhos. Elena não acredita que a vida de Mia com a filha seja a ideal para o desenvolvimento da garota, e vice-versa.

Com o tempo, a mãe que vive em uma mansão e tem a vida “perfeita” (Elena) vê seus filhos fascinados por tudo que Mia e a filha Pearl podem oferecer, e isso causa ainda mais tensão. O que acontece depois? Só assistindo para descobrir…

Desigualdade social

Mia é uma artista, veio de uma família pobre e quase perdeu sua vida para
conseguir estudar
. Mesmo vendendo telas caríssimas, ela não leva o mesmo estilo de vida que Elena: fazendo bicos em restaurantes e vivendo de um jeito arriscado, Mia luta para conseguir criar a filha e lhe dar condições de pleno desenvolvimento. Pearl, uma jovem negra, mesmo com muita inteligência e esforço, tem problemas para entrar nas classes avançadas de matemática, só conseguindo quando a tradicional mãe branca, Elena, intervém por ela.

Além disso, sendo uma menina inteligentíssima, Pearl tem sua história roubada pela filha mais velha de Elena, que pretende usar a situação para uma redação de admissão em Yale. Mesmo com todo esforço, a condição social de Pearl e Mia as condena a viver uma situação de inferioridade.

Serem mulheres negras e pobres em uma sociedade que privilegia pessoas brancas e ricas fez com que precisassem se esforçar mais para terem resultados semelhantes aos da família de Elena. Um estudioso que aborda a desigualdade social, e que é muito cobrado no ENEM é Karl Marx: para Marx, a sociedade se divide em classes, onde os proprietários dos meios de produção (como a família de Elena) têm benefícios se comparados aos não-proprietários ou proletários (como no caso da família de Mia). As classes, assim, se envolvem em um sistema onde os portadores de capital oprimem os que não possuem capital de diversas maneiras. Que tal assistir Little Fires Everywhere pensando em Marx? Me conta nos comentários o que você achou.

Agora que já sabemos mais sobre a ideia de desigualdade social, vamos responder uma questão?

(Ufub) De acordo com a teoria de Marx, a desigualdade social explica-se:

a) Pela distribuição da riqueza de acordo com o esforço de cada um no desempenho de seu trabalho.

b) Pela divisão da sociedade em classes sociais, decorrente da separação entre proprietários e não proprietários dos meios de produção.

c) Pelas diferenças de inteligência e habilidade inatas dos indivíduos, determinadas biologicamente.

d) Pela apropriação das condições de trabalho pelos homens mais capazes em contextos históricos, marcados pela igualdade de oportunidades.

ALTERNATIVA CORRETA – B

Acesse o portal InfoEnem e tenha acesso aos melhores conteúdos e informações sobre o Enem 2020!

Por quê, Porquê, Porque e Por que: aprenda a diferença entre cada um para não errar no Enem!

A língua portuguesa é de fato muito rica e por isso traz um grande número de possibilidades para algumas palavras e isso, às vezes, pode causar dúvidas aos falantes de seu idioma. Uma dessas dúvidas mais comuns está ligada ao uso dos “porquês”. Na fala não há motivo nenhum para preocupação, mas na hora da escrita em norma padrão quase sempre é feita uma consulta para saber a diferença entre um e outro e não fazer feio no texto.
https://infoenem.com.br/por-que-porque-porque-e-por-que-aprenda-a-diferenca-entre-cada-um-para-nao-errar-no-enem/

O que é SiSU?

É o sistema informatizado do MEC por meio do qual instituições públicas de ensino superior (federais e estaduais) oferecem vagas a candidatos participantes do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio).
https://infoenem.com.br/como-funciona-o-sisu/

Manual do SISU e PROUNI

Manual do SISU e PROUNI

Receba gratuitamente

Não enviamos spam. Seu e-mail está 100% seguro!

Sobre o Autor

Raphaele Godinho
Raphaele Godinho

Raphaele Godinho: Estudante de Relações Internacionais, coordenação do movimento Resgatando e Valorizando a Mulher, Three Dot Dash Global Teen Leader 2020 by We Are a Family Foundation.