Possibilidades para a Redação do Enem 2020: Educação a Distância

A educação a distância tem sido um tópico bastante comentado no ano de 2020.  Com a interrupção presencial das aulas por conta da pandemia de Covid-19, essa modalidade de ensino popularizou-se entre alunos dos mais variados níveis escolares, ao invés de apenas entre os universitários, dentre os quais a modalidade já era conhecida e utilizada há bastante tempo. Sendo assim, por ter sido assunto ao longo de todo o ano de 2020, o tema é forte candidato a proposta de redação do próximo Enem.

Por ser um assunto bastante amplo, a educação a distância requer uma pesquisa detalhada. Primeiramente, os números: em que ano a EAD começou a se difundir no país? Por onde ela começou? Foi apenas nas universidades? A partir daí, é uma boa ideia conferir os índices atuais: quantos alunos a EAD possui hoje (sem contar os que precisaram obrigatoriamente a ela por causa da pandemia)? Quantos e quais cursos disponibilizam essa modalidade? Em seguida, saindo um pouco dos números, é interessante conferir opiniões diversas sobre a EAD. Quais são as vantagens e desvantagens desse modo de ensino, segundo especialistas?

Com a pesquisa feita e todas as questões propostas acima respondidas, para construir uma boa argumentação em uma dissertação, é necessário posicionar-se (sem, no entanto, recorrer a “na minha opinião” ou a “eu acho”, por exemplo, já que a linguagem deve ser neutra). Reflita acerca de sua opinião sobre a educação a distância. Você acha que ela apresenta mais vantagens ou desvantagens em relação ao ensino presencial? Você crê que ela substituirá esse último em algum momento na história ou será sempre apenas um complemento ou alternativa? Com um posicionamento claro estabelecido, é hora de construir a argumentação. Iniciar com uma contextualização histórica até chegarmos no grande “galho” que a EAD quebrou no ano de 2020 com a quarentena pode ser um bom começo. Em seguida, há mais de um caminho possível. Para quem crê que a EAD não substitui o ensino presencial por conta de diversos fatores, deve apresentá-los ao longo do desenvolvimento, para que fique claro que há problemas a serem resolvidos. No caso do Brasil, a falta de acesso à internet e às tecnologias necessárias para o EAD pode ser um dos itens a serem expostos. Não há o menor problema, contudo, em construir um desenvolvimento que apresente também as vantagens, sendo esse um segundo caminho possível. A sugestão é que vocês encerrem os parágrafos de argumentação com os possíveis problemas, já que a redação do Enem sempre exige uma proposta de solução e, para facilitar a construção, é uma boa ideia seguir com a conclusão, que vai expor a sugestão de intervenção (esse formato não é obrigatório, mas é o mais “fácil” de organizar).

Por fim, o que sempre deve ser considerado na proposta de intervenção feita na conclusão (além de ser detalhada, claro) é que ela deve “combinar” com a argumentação feita. Por exemplo, não faz sentido construir uma solução para a falta de treinamento para os professores nesta modalidade quando na maior parte de seu desenvolvimento você tratou da falta de acesso à internet no país. Isso considerado, é só construir a proposta de intervenção detalhada de sempre!

O que acharam da possibilidade de tema dessa semana? Acham que ele é um forte candidato ou nem tanto? Quais outros temas creem que podem aparecer na redação do Enem deste ano? Como construiriam um texto nesse tema? Contem tudo pra gente nos comentários e até a semana que vem!

Além das postagens sobre os temas de redação toda semana, você pode se preparar ainda mais para a prova de redação do Enem com o curso de redação Nota 1000 do portal InfoEnem! Você fará redações que serão corrigidas no mesmo modelo do Enem, e receberá comentários e dicas da nossa equipe! Clique aqui para saber mais sobre o curso de redação!

Acesse o portal InfoEnem e tenha acesso aos melhores conteúdos e informações sobre o Enem 2020!

Por quê, Porquê, Porque e Por que: aprenda a diferença entre cada um para não errar no Enem!

A língua portuguesa é de fato muito rica e por isso traz um grande número de possibilidades para algumas palavras e isso, às vezes, pode causar dúvidas aos falantes de seu idioma. Uma dessas dúvidas mais comuns está ligada ao uso dos “porquês”. Na fala não há motivo nenhum para preocupação, mas na hora da escrita em norma padrão quase sempre é feita uma consulta para saber a diferença entre um e outro e não fazer feio no texto.
https://infoenem.com.br/por-que-porque-porque-e-por-que-aprenda-a-diferenca-entre-cada-um-para-nao-errar-no-enem/

O que é SiSU?

É o sistema informatizado do MEC por meio do qual instituições públicas de ensino superior (federais e estaduais) oferecem vagas a candidatos participantes do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio).
https://infoenem.com.br/como-funciona-o-sisu/

Manual do SISU e PROUNI

Manual do SISU e PROUNI

Receba gratuitamente

Não enviamos spam. Seu e-mail está 100% seguro!

Sobre o Autor

InfoEnem
InfoEnem

Portal InfoEnem - O portal mais completo do Enem. 10 anos abordando os principais assuntos do maior vestibular do país. - Artigos; - Notícias; - Apostilas; - Cursos On-line.