Profissão Engenheiro: Veja Dez Carreiras Diferentes Para se Formar

Quem já identificou aptidão para a área deve conhecer as opções disponíveis nas instituições de ensino do país.

Foto: Mikael Blomkvist/Pexels

Quem tem o sonho de ser engenheiro encontra um território vasto a ser explorado quando o assunto é o futuro profissional. No Brasil, são oferecidos dezenas de cursos superiores diferentes na área: desde os mais conhecidos, como as engenharias civil e elétrica, até os mais peculiares, como as engenharias acústica e têxtil.

Em todas elas, o aluno terá que aprender os conteúdos que embasam os estudos de Exatas, como a disciplina de cálculo e os conceitos de limites, derivadas, assíntota, dentre outros. Mas em um determinado momento do curso, há o direcionamento para a aplicação da área específica da engenharia, aprendizado que pode ser complementado com a realização de estágios e pós-graduação.

Além de disponibilizar uma ampla oferta, o Brasil conta com um ensino superior de qualidade na área. O relatório do Ministério da Educação (MEC), divulgado em 2020, apontou os 49 melhores cursos de engenharia do país. Oferecidos por várias instituições, situadas em diferentes regiões, todos eles tinham nota superior a 4, numa escala entre zero e cinco.

Entre as instituições citadas pelo MEC estão a Universidade Estadual de Campinas (Unicamp); o Instituto Militar de Engenharia (IME); o Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA); a Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos), e a Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-RJ); dentre outras. 

Como escolher

A Universidade do Grande Rio (Unigranrio) orienta avaliar sete questões antes de definir qual carreira seguir: habilidades pessoais; afinidades e preferências; cursos recomendados; mercado de trabalho; possibilidade de atuação; retorno financeiro; e desafios da profissão.

O estudante que já compreendeu que possui habilidades para área de Exatas e afinidades com a engenharia deve buscar informações sobre os cursos existentes na área. Pode ser que ele sequer tenha ouvido falar de alguns até agora.

Engenharia acústica

Área da engenharia que compreende o som e as vibrações. O profissional é responsável por desenvolver estratégias para o controle de ruídos nos projetos realizados. 

Engenharia biomédica

Desenvolve equipamentos para a área da medicina, biomedicina e odontologia. O engenheiro biomédico é responsável pela criação dos projetos e, também, pela manutenção preventiva e corretiva dos produtos.

Engenharia cartográfica

O estudo possibilita a aplicação dos conhecimentos da engenharia para a análise de dados geográficos. O trabalho do engenheiro cartógrafo exige habilidade com pessoas, equipamentos e projetos variados. O profissional realiza o processamento, a representação e a análise da geoinformação.

Engenharia de avaliação e perícia

Responsável por qualificar os engenheiros para trabalharem na avaliação de bens e na realização de perícias de engenharia. O profissional é responsável por prestar assistência ao juiz nas questões técnicas julgadas. Para atuar na área, é necessário realizar uma pós-graduação específica.

Engenharia de aquicultura 

Área dedicada aos estudos sobre a criação e o cultivo de organismos aquáticos. O engenheiro de aquicultura deve projetar e supervisionar a produção dessas espécies.

Engenharia de horticultura 

Une a tecnologia de ponta para o cultivo de plantas medicinais e ornamentais e a produção de hortifrutigranjeiros. Além do conhecimento tecnológico, o engenheiro dessa área deve gerenciar mão de obra, materiais e equipamentos, além de estar atento às questões ambientais. 

Engenharia de instalações de superfícies 

Qualifica os profissionais a atuarem na investigação de fenômenos que acontecem na superfície de corpos sólidos. O engenheiro atua, sobretudo, na área da pesquisa, elaborando soluções para diferentes segmentos da indústria.

Engenharia de materiais

Campo profissional em que o engenheiro é responsável por criar novos materiais, além de gerenciar o controle de produção. É possível se especializar em ramos específicos como cerâmica, metais e polímeros.

Engenharia em nanotecnologia

A nanotecnologia é o estudo da matéria em uma escala atômica e molecular. A engenharia voltada para essa área habilita o profissional a construir, controlar e manipular partículas para o desenvolvimento de projetos para indústrias de biotecnologia, cosméticos, petrolíferas, dentre outros segmentos.

Engenharia têxtil

Área da engenharia direcionada a estudar os processos e os produtos têxteis, desde a transformação de fibras em fios até o acabamento. O engenheiro têxtil atua no gerenciamento da fabricação desse tipo de produto, sendo também responsável por coordenar equipes e controlar a qualidade.

Acesse o portal InfoEnem e tenha acesso aos melhores conteúdos e informações sobre o Enem 2022!

Por quê, Porquê, Porque e Por que: aprenda a diferença entre cada um para não errar no Enem!

A língua portuguesa é de fato muito rica e por isso traz um grande número de possibilidades para algumas palavras e isso, às vezes, pode causar dúvidas aos falantes de seu idioma. Uma dessas dúvidas mais comuns está ligada ao uso dos “porquês”. Na fala não há motivo nenhum para preocupação, mas na hora da escrita em norma padrão quase sempre é feita uma consulta para saber a diferença entre um e outro e não fazer feio no texto.
https://infoenem.com.br/por-que-porque-porque-e-por-que-aprenda-a-diferenca-entre-cada-um-para-nao-errar-no-enem/

O que é SiSU?

É o sistema informatizado do MEC por meio do qual instituições públicas de ensino superior (federais e estaduais) oferecem vagas a candidatos participantes do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio).
https://infoenem.com.br/como-funciona-o-sisu/

Sobre o Autor

InfoEnem
InfoEnem

Portal InfoEnem - O portal mais completo do Enem. 10 anos abordando os principais assuntos do maior vestibular do país. - Artigos; - Notícias; - Apostilas; - Cursos On-line.