Redação Nota 1000 Possibilidades para a Redação do Enem PPL de 2009

Depois de analisarmos todos os temas de redações do Enem, de 1998 a 2019, talvez vocês sintam aquele vazio na alma e se perguntem: e agora? O que faremos? Com quais temas vamos praticar? Calma! Não está nada acabado ainda! Trataremos a partir desta semana dos temas “escondidos” do Enem! Faremos as side quests da história do vídeo game. Vamos encontrar os Easter Eggs do Enem. Ok, parei…Teremos mais algumas semanas de treino com temas passados e, consequentemente, eliminaremos mais algumas possibilidades para o futuro, já que a prova dificilmente repete assuntos. Veremos hoje uma proposta do Enem PPL.

O Enem PPL é a prova para pessoas privadas de liberdade (daí a sigla), aplicada para detentos e jovens sob medidas socioeducativas que já concluíram o ensino médio e desejam conseguir seu diploma e/ou candidatarem-se a uma vaga nas universidades. Ele também serve como segunda aplicação para quem porventura teve algum problema na primeira, como desastres naturais que podem afetar o fornecimento de energia elétrica, por exemplo. Para essa segunda possibilidade, é necessário candidatar-se após a primeira aplicação e aguardar uma avaliação da situação, que concederá ou não o direito de fazer a prova em um segundo momento. Vamos conhecer então o primeiro tema do Enem PPL, de 2009?

Os textos motivadores trazem dois excertos que tentam dar uma ideia de como a família está sendo considerada no contexto atual, tanto em termos legais como no sentido afetivo da palavra. A imagem de Tarsila do Amaral se alia aos trechos, representando uma família com muitos integrantes e, por consequência, a variação de combinações que esse grupo de pessoas pode trazer para ser formado.

No tema “A família contemporânea e o que ela representa para a sociedade”, um conteúdo externo bastante discutido há alguns anos e que pode ser trazido para embasar a argumentação é o Estatuto da Família, conjunto de diretrizes em defesa da família que, no entanto, restringia sua definição a uma união entre homem e mulher e seus filhos apenas, desconsiderando as mais variadas configurações que existem na sociedade atual, algumas delas exemplificadas no terceiro texto motivador.

Ao trazer o Estatuto da Família como conteúdo externo, é importante posicionar-se em relação a ele para que não seja apenas uma citação avulsa a algo extra, sem tecer uma argumentação bem elaborada e conectada entre si. É interessante notar que defender uma configuração única de família será bastante difícil de sustentar, já que os próprios textos motivadores já trazem as ideias de variação e a expõem como sendo naturais, benéficas e inevitáveis. Além disso, pregar algo que exclua e prejudique formações familiares diferentes de uma considerada “tradicional” pode facilmente chegar a um desrespeito aos direitos humanos, o que é bastante punido na correção. Sendo assim, reconhecer os mais variados tipos de família e estabelecer que é o afeto e suporte mútuos que definem a palavra, e não uma configuração específica de pessoas, pode ser uma boa opção, além de mencionar a evolução social que ocorreu para que as mais diversas configurações familiares da contemporaneidade fossem possíveis.

A partir deste posicionamento, fica relativamente simples sugerir uma proposta de intervenção, que pode permear uma nova definição, não excludente, de família para o próprio Estatuto. Também pode-se sugerir, é claro, diretrizes completamente novas, que contemplem todas as organizações familiares e protejam verdadeiramente as famílias e os direitos entre seus membros. Basta, como sempre, detalhar bem a sugestão e partir para o abraço!

O que acharam do artigo dessa semana? Já tinham ouvido falar do Enem PPL? Já participaram dessa aplicação? Contem tudo pra gente nos comentários e até semana que vem com mais side quests Enem PPL!

Além destas excelentes postagens sobre os temas de redação toda semana, você pode se preparar ainda mais para a prova de redação do Enem com o curso de redação Nota 1000 do portal InfoEnem! Você fará redações que serão corrigidas no mesmo modelo do Enem, e receberá comentários e dicas da nossa equipe! Clique aqui para saber mais sobre o curso de redação!

Acesse o portal InfoEnem e tenha acesso aos melhores conteúdos e informações sobre o Enem 2020!

As Competências Avaliadas na Redação do Enem

As Competências Avaliadas na Redação do Enem
A banca elaboradora do Enem concebe todas as questões, de todas as disciplinas e a proposta de redação baseada na Matriz de Competência do Enem, a qual é divulgada pelo Inep em seu site e é organizada em eixos e competências que têm como objetivo nortear a avaliação. Este documento é o alicerce das competências avaliadas na redação do exame, das quais falaremos logo a seguir.

I) Dominar Linguagens: dominar a norma culta da Língua Portuguesa e fazer uso das linguagens matemática, artística e científica e das línguas espanhola e inglesa;
II)  Compreender Fenômenos: construir e aplicar conceitos das várias áreas do conhecimento para a compreensão de fenômenos naturais, de processos histórico-geográficos, da produção tecnológica e das manifestações artísticas.
III) Enfrentar Situações-Problemas: selecionar, organizar, relacionar, interpretar dados e informações representados de diferentes formas, para tomar decisões e enfrentar situações – problemas.
IV) Construir Argumentação: relacionar informações, representadas em diferentes formas e conhecimentos disponíveis em situações concretas, para construir argumentação consistente.
V) Elaborar Propostas: recorre aos conhecimentos desenvolvidos na escola para elaboração de propostas de intervenção solidária na realidade, respeitando os valores humanos e considerando a diversidade sociocultural.

Manual do SISU e PROUNI

Manual do SISU e PROUNI

Receba gratuitamente

Não enviamos spam. Seu e-mail está 100% seguro!

Sobre o Autor

Vanessa Christine Ramos Reck
Vanessa Christine Ramos Reck

Possui graduação em Letras - Língua Portuguesa pela Universidade Estadual de Campinas(2011). Tem experiência na área de Letras. http://lattes.cnpq.br/6444202678156917