UFAL deve Adotar Pesos nas Provas do Enem 2016

De acordo com matéria publicada pela Assessoria de Comunicação (Ascom) da Universidade Federal de Alagoas (UFAL), a instituição estuda promover alterações com relação ao uso das notas do Exame Nacional do Ensino Médio para oferta de vagas no Sistema de Seleção Unificada (Sisu).

A Pró-reitoria de Graduação já entrou em contato com as coordenações dos cursos para discutir a possibilidade da adoção de pesos diferenciados para cada uma das notas do Enem 2016, de acordo com a carreira escolhida pelo candidato.

Desta forma, para um participante que optar por um curso da área de exatas, como engenharia por exemplo, as provas de matemática e ciências da natureza terão peso maior que as pontuações em linguagens, redação ou ciências humanas.

Vale esclarecer que atualmente todas as provas têm o mesmo peso e a nota final do inscrito do Sisu para UFAL é calculada pela média aritmética das cinco notas das provas. Por este critério, o mesmo concorrente possui um desempenho único para qualquer curso na instituição.

Conforme explicou Amauri Barros, pró-reitor de Graduação, essa mudança valoriza o desempenho dos alunos em matérias que eles se identificam mais, o que consequentemente pode desencadear na redução da evasão e na retenção nos primeiros semestres do curso.

Desde o ano de 2012 a federal alagoana participa do sistema do ministério da educação que aproveita as notas do Enem para classificação dos candidatos de praticamente todos os cursos, com exceção de música e letras-libras, para os quais também há uma avaliação diferenciada.

Fonte: ufal.edu.br

Manual do SISU e PROUNI

Manual do SISU e PROUNI

Receba gratuitamente

Não enviamos spam. Seu e-mail está 100% seguro!

Sobre o Autor

Matheus Andrietta
Matheus Andrietta

Fundador do Portal InfoEnem.