Segundo decisão tomada em reunião do Conselho Universitário, realizada na terça-feira (19), a Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) optou por acabar com seu próprio vestibular. Na manhã desta última quarta-feira, uma nota no site da instituição tornou público que, a partir deste ano, a seleção para cursos de graduação da instituição será feita exclusivamente por meio do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), programa do Ministério da Educação que seleciona candidatos com base no desempenho no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

Vale ressaltar que a UFMG já havia aderido parcialmente ao Enem. Até o último processo seletivo, finalizado no início deste ano, a avaliação do governo federal era utilizada como primeira fase do vestibular mineiro. Os aprovados eram então convocados para uma série de provas da segunda fase, organizada pela própria universidade.

Segundo o reitor, Clélio Campolina, há três anos a UFMG estuda o fim do vestibular. De acordo com o ele, a adoção do Enem permite que o Brasil se aproxime do modelo de seleção de países europeus e dos Estados Unidos. “O Brasil está atrasadíssimo em relação a países como Estados Unidos e os da Europa, que há muito adotam sistema de avaliação do ensino médio”, garante.

Ainda em defesa da mudança, Campolina afirmou que o sistema de cotas não sofrerá alteração com o fim do vestibular. “A seleção pelo Sisu é democrática, elimina custos para os candidatos e oferece igualdade de oportunidades a todos”, disse.

Segundo a direção da universidade, apenas os candidatos a carreiras como música, dança e teatro terão de realizar exames específicos.

 

 

Manual do SISU e PROUNI

Manual do SISU e PROUNI

Receba gratuitamente

Não enviamos spam. Seu e-mail está 100% seguro!

Sobre o Autor

InfoEnem
InfoEnem

Portal InfoEnem - O portal mais completo do Enem. 10 anos abordando os principais assuntos do maior vestibular do país. - Artigos; - Notícias; - Apostilas; - Cursos On-line.