A Universidade Federal do Rio Grande do Norte foi criada em 25 de junho de 1958, através de lei estadual, e federalizada em 18 de dezembro de 1960. A UFRN, instalada em sessão solene realizada no Teatro Alberto Maranhão, em 21 de março de 1959, foi formada a partir de faculdades e escolas de nível superior já existentes em Natal, como a Faculdade de Farmácia e Odontologia; a Faculdade de Direito; a Faculdade de Medicina; a Escola de Engenharia, entre outras.

Em 1968, com a reforma universitária, a UFRN passou por um processo de reorganização que marcou o fim das faculdades e a consolidação da atual estrutura, ou seja, o agrupamento de diversos departamentos que, dependendo da natureza dos cursos e disciplinas, organizaram-se em Centros Acadêmicos.

Nos anos 70, teve início a construção do Campus Central, numa área de 123 hectares. O Campus abriga atualmente um arrojado complexo arquitetônico, circundado por um anel viário que o integra à malha urbana da cidade de Natal.

A estrutura da UFRN foi modificada, novamente, por meio de um Decreto de 1974 (N° 74.211), constituindo-se, também, a partir de então do Conselho Universitário(CONSUNI), Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (CONSEPE), Conselho de Curadores (CONCURA) e Reitoria.

Uma reforma do Estatuto da UFRN, concluída em 1996, estabeleceu a estrutura em vigor hoje na Universidade, acrescentando-se aos conselhos existentes o Conselho de Administração (CONSAD) e criando, na estrutura acadêmica, as Unidades Acadêmicas Especializadas e os Núcleos de Estudos Interdisciplinares.

Atualmente, a UFRN oferece 84 cursos de graduação presencial, 9 cursos de graduação a distância e 86 cursos de pós-graduação. Sua comunidade acadêmica é formada por mais de 37.000 estudantes (graduação e pós-graduação), 3.146 servidores técnico-administrativos e 2 mil docentes efetivos, além dos professores substitutos e visitantes.

 

 Estrutura

A Universidade Federal do Rio Grande do Norte apresenta as seguintes Unidades Acadêmicas especializadas:

· Escola de Música – EMURFN

· Escola Agícola de Jundiaí – EAJ

· Faculdade de Ciências da Saúde do Trairi – FACISA

· Escola de Ciências e Tecnologia – EC&T

 

Processo Seletivo

A Universidade Federal do Rio Grande do Norte aderiu o Sistema de Seleção Unificada (Sisu) como forma de selecionar candidatos, apenas os cursos que necessitam de teste de habilidade não utilizam esse meio de ingresso.

Para mais informações

Página da UFRN:  http://www.sistemas.ufrn.br/portalufrn/PT/