Veja Como os Biomas Brasileiros Podem Cair no Enem

Em um de nossos artigos recentes, tratamos sobre os biomas brasileiros. Sabendo da importância desse conteúdo em vestibulares de todo o país, trazemos uma questão da última edição do Enem para você ver como o assunto pode ser cobrado, além de testar seus conhecimentos!

Além disso, apresentamos uma fonte de dados atualizados sobre as condições de preservação e extensão dos biomas brasileiros, feita por dados de satélites a partir de uma parceria entre a Secretaria de Biodiversidade e Florestas do Ministério do Meio Ambiente (SBF/MMA) e o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama). O site desse projeto fornece mapas e informações sobre os desmatamentos de áreas com vegetação nativa de cada bioma.

Enem 2014 – Caderno Amarelo – Questão 74

Uma região de Cerrado possui lençol freático profundo, estação seca bem marcada, grande insolação e recorrência de incêndios naturais. Cinco espécies de árvores nativas, com as características apresentadas no quadro, foram avaliadas quanto ao seu potencial para uso em projetos de reflorestamento nessa região.

bioma_quadro

Qual é a árvore adequada para o reflorestamento dessa região?

a) 1
b) 2
c) 3
d) 4
e) 5

RESOLUÇÃO E COMENTÁRIOS

Alternativa B

O Cerrado é um dos seis biomas do Brasil. Um bioma é um conjunto que compreende vegetação, fauna e clima característicos ocupando uma extensão territorial contínua. Os outros 5 biomas brasileiros são: Amazônia, Mata Atlântica, Caatinga, Pampa e Pantanal.

Nesta questão, o Enem 2014 apresenta um problema envolvendo o bioma do Cerrado e algumas de suas características peculiares: lençol freático profundo, estação seca marcante, forte insolação e recorrência de incêndios naturais. É preciso entender como as plantas do Cerrado se adaptaram a condições tão diferentes. Dentre as opções de plantas para reflorestamento, é preciso analisar quais características das plantas são adequadas para a sobrevivência no Cerrado. Então, vamos à análise:

  1. Superfície foliar coberta por tricomas: os tricomas são especializações da epiderme que podem ter função de defesa contra predadores, secreção de substâncias diversas e até regulação da umidade e calor.
  2. Superfície foliar coberta por cera: a cera confere proteção contra desidratação e danos mecânicos. Então seria uma vantagem contra os incêndios naturais comuns ao Cerrado.
  3. Superfície foliar coberta por espinhos: os espinhos são folhas modificadas, que permitem uma menor perda de água por transpiração. Apesar da estação seca, folhas em formato de espinho fazem menos fotossíntese. Seriam mais eficientes nos cactos, vegetação característica da Caatinga, que fazem fotossíntese também pela superfície do caule.
  4. Profundidade das raízes baixa: não alçariam o lençol freático em profundidade.
  5. Profundidade das raízes alta: ideais para alcançar o lençol freático em profundidade.

Desse modo, podemos eliminar as alternativas A, C e D por terem raízes de pouca profundidade. E comparando a superfície foliar coberta com cera e com espinhos, a cera é uma vantagem para as plantas do Cerrado.

Essa questão foi resolvida por Annelize Zambon, graduada em Ciências Biológicas, mestre em Genética e Microbiologia e doutoranda em Bioquímica pelo Programa de Biologia Funcional e Molecular, todos cursados na UNICAMP.

A explicação e comentários foram retirados de nossas Apostilas preparatórias para o Enem 2015, que trazem mais de 1.000 questões resolvidas e comentadas com este mesmo capricho. CLIQUE AQUI PARA ADQUIRIR O MATERIAL COM UMA SUPER PROMOÇÃO!

Manual do SISU e PROUNI

Manual do SISU e PROUNI

Receba gratuitamente

Não enviamos spam. Seu e-mail está 100% seguro!

Sobre o Autor

Matheus Andrietta
Matheus Andrietta

Fundador do Portal InfoEnem.