A fragmentação dos habitats naturais

A fragmentação das paisagens naturais é causada principalmente pela urbanização cada vez maior dos espaços, que é acompanhada pelo desmatamento e grande alteração do ambiente ao entorno, causando inúmeros desequilíbrios nos habitats e na dinâmica das populações da fauna e flora locais. Os fragmentos que compõem as paisagens, podem ter tamanho, forma e composição variadas, podendo ou não se conectar a outros, quando um fragmento está isolado dos demais, ou seja, não há como se conectar aos outros, este pode ser comparado a uma ilha. Esse fenômeno tem causado grande dano à biodiversidade, por isso discutiremos a seguir suas principais consequências.

Ao desmatar uma área, são formados pedaços de floresta e as partes mais periféricas, ficam mais expostas ao efeito de borda, que consiste em perturbações como maior insolação, diminuição da umidade do ar e mudança no regime de ventos nos limites artificiais, ou seja, nas partes mais exteriores das manchas de vegetação, que interferem no ritmo de regeneração da área de borda, de maneira que morram mais árvores do que a capacidade regenerativa da floresta, diminuindo cada vez mais esse fragmento.

Podemos ainda destacar em relação ao efeito de borda, o impacto no interior dos fragmentos, como por exemplo, o impacto em um grande número de espécies mais sensíveis ao clima, luz e outras perturbações, essas migram cada vez mais para o interior florestal o que aumentará a competitividade por alimentos e território podendo causar uma diminuição no número de indivíduos dessa comunidade bem como a extinção de algumas populações. A extinção de espécies apresenta um grande risco à biodiversidade, uma vez que o desaparecimento de apenas uma espécie pode acionar uma extinção em cadeia das espécies relacionadas a ela.

Além disso, temos como implicação mais imediata da formação dessas ilhas, a diminuição significativa do fluxo de animais, pólen e sementes entre os fragmentos, provocando o isolamento reprodutivo das populações, diminuindo assim sua variabilidade genética e a biodiversidade local. A diminuição dos indivíduos de uma população, bem como  a diminuição de sua variabilidade, pode deixá-los mais expostos a eventos de extinção. Para desfragmentação dos habitats naturais, uma das estratégias utilizadas são os corredores ecológicos, que consistem em grandes faixas de vegetação passando por uma área perturbada, como cidades ou plantações, que permitem a migração e locomoção de organismos entre as machas de seu habitat natural.

Fonte: https://natturis.com.br/v_2016/a-importancia-dos-corredores-ecologicos-na-preservacao-de-especies-ameacadas-de-extincao

(ENEM 2020) A fragmentação dos hábitats é caracterizada pela formação de ilhas da paisagem original, circundadas por áreas transformadas. Esse tipo de interferência no ambiente ameaça a biodiversidade. Imagine que uma população de onças foi isolada em uma mata pequena. Elas se extinguiram mesmo sem terem sido abatidas. Diversos componentes da ilha de hábitat, como o tamanho, a heterogeneidade, o seu entorno, a sua conectividade e o efeito de borda são determinantes para a persistência ou não das espécies originais.

Uma medida que auxilia na conservação da biodiversidade nas ilhas mencionadas no texto compreende a

A)   formação de micro-hábitats.

B)   ampliação do efeito de borda.

C)   construção de corredores ecológicos.

D)   promoção da sucessão ecológica.

E)   Introdução de novas espécies de animais e vegetais.

Resposta correta: C, os corredores ecológicos conectam os fragmentos, ligando as populações de diferentes locais, cooperando assim para o aumento da biodiversidade.

Acesse o portal InfoEnem e tenha acesso aos melhores conteúdos e informações sobre o Enem 2021!

Por quê, Porquê, Porque e Por que: aprenda a diferença entre cada um para não errar no Enem!

A língua portuguesa é de fato muito rica e por isso traz um grande número de possibilidades para algumas palavras e isso, às vezes, pode causar dúvidas aos falantes de seu idioma. Uma dessas dúvidas mais comuns está ligada ao uso dos “porquês”. Na fala não há motivo nenhum para preocupação, mas na hora da escrita em norma padrão quase sempre é feita uma consulta para saber a diferença entre um e outro e não fazer feio no texto.
https://infoenem.com.br/por-que-porque-porque-e-por-que-aprenda-a-diferenca-entre-cada-um-para-nao-errar-no-enem/

O que é SiSU?

É o sistema informatizado do MEC por meio do qual instituições públicas de ensino superior (federais e estaduais) oferecem vagas a candidatos participantes do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio).
https://infoenem.com.br/como-funciona-o-sisu/

Manual do SISU e PROUNI

Manual do SISU e PROUNI

Receba gratuitamente

Não enviamos spam. Seu e-mail está 100% seguro!

Sobre o Autor

InfoEnem
InfoEnem

Portal InfoEnem - O portal mais completo do Enem. 10 anos abordando os principais assuntos do maior vestibular do país. - Artigos; - Notícias; - Apostilas; - Cursos On-line.