Estudando a Teoria Ácido-Base de Brönsted-Lowry

Em nossa postagem de hoje, vamos estudar sobre um assunto muito abordado nas questões de química do Enem, que são as teorias ácido-base. Para isso, vamos conhecer melhor uma das teorias ácido-base mais utilizadas na química, que é a teoria de Brönsted-Lowry. Além disso, apresentaremos também uma questão retirada diretamente do Enem sobre o assunto, para que você compreenda melhor como o assunto pode ser abordado durante o Exame Nacional do Ensino Médio.

A teoria ácido-base de Brönsted-Lowry

Durante muitos anos, a teoria ácido-base de Arrhenius foi a mais utilizada, mas havia uma grande limitação nesta teoria, que ficava limitada a soluções aquosas. Para suprir esta necessidade e aumentar a abrangência das teorias ácido-base, dois químicos, Johannes Nicolaus Brönsted (1879-1947) e Thomas Martin Lowry (1874-1936) propuseram no mesmo ano e de forma independente uma mesma teoria. Apesar de terem sido desenvolvidas de forma independente, ambas as teorias chegaram nas mesmas considerações, e eram mais abrangentes do que a teoria de Arrhenius. Para homenagear os resultados dos químicos, a teoria leva o nome de ambos.

A teoria de Brönsted-Lowry classifica os ácidos como todas as substâncias que doam prótons na reação química (quando falamos em prótons, estamos nos referindo aos íons hidrogênio, H+). Já as bases são aquelas substâncias que possuem a capacidade de receber estes íons H+.

Outra diferença importante entre as teorias é que, na teoria de Arrhenius, os elementos atuavam de uma forma “fixa”, ou seja, os ácidos não podiam agir como base e vice versa. Já para a teoria de Brönsted-Lowry, o conceito de ácido e base é relativo, de forma que precisaremos observar a reação para definirmos o que é ácido e o que é base. Para os casos de substâncias que podem se comportar como ácido ou base, estas substâncias são denominadas anfóteras.

Questão do Enem

Como você pôde perceber ao longo do texto, a teoria ácido-base de Brönsted-Lowry possui uma série de aplicações, sendo extremamente importante para a evolução da química. Sendo assim, esta teoria é amplamente cobrada no Enem e vestibulares importantes. Para que você entenda melhor como este conteúdo pode ser abordado durante o Enem, vamos apresentar a seguir uma questão retirada da prova de 2020 deste exame, que aborda uma aplicação da teoria de Brönsted-Lowry. Aproveite para treinar o conteúdo estudado!

“O propranolol é um fármaco pouco solúvel em água utilizado no tratamento de algumas doenças cardiovasculares. Quando essa substância é tratada com uma quantidade estequiométrica de um ácido de Brönsted-Lowry, o grupamento de maior basicidade reage com o próton levando à formação de um derivado solúvel em água.

GONSALVES, A. A. et al. Contextualizando reações ácido-base de acordo com a teoria protônica de Brönsted-Lowry usando comprimidos de propranolol e nimesulida. Química Nova, n. 8, 2013 (adaptado).

O ácido de Brönsted-Lowry reage com”

a) a hidroxila alcoólica.

b) os anéis aromáticos.

c) as metilas terminais.

d) o grupamento amina.

e) o oxigênio do grupamento éter.

Alternativa correta: D.

Acesse o portal InfoEnem e tenha acesso aos melhores conteúdos e informações sobre o Enem 2021!

Por quê, Porquê, Porque e Por que: aprenda a diferença entre cada um para não errar no Enem!

A língua portuguesa é de fato muito rica e por isso traz um grande número de possibilidades para algumas palavras e isso, às vezes, pode causar dúvidas aos falantes de seu idioma. Uma dessas dúvidas mais comuns está ligada ao uso dos “porquês”. Na fala não há motivo nenhum para preocupação, mas na hora da escrita em norma padrão quase sempre é feita uma consulta para saber a diferença entre um e outro e não fazer feio no texto.
https://infoenem.com.br/por-que-porque-porque-e-por-que-aprenda-a-diferenca-entre-cada-um-para-nao-errar-no-enem/

O que é SiSU?

É o sistema informatizado do MEC por meio do qual instituições públicas de ensino superior (federais e estaduais) oferecem vagas a candidatos participantes do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio).
https://infoenem.com.br/como-funciona-o-sisu/

Manual do SISU e PROUNI

Manual do SISU e PROUNI

Receba gratuitamente

Não enviamos spam. Seu e-mail está 100% seguro!