Utilizando os indicadores ácido-base no Enem

Em nossa postagem de hoje vamos estudar sobre um assunto muito importante para a química e que possui uma série de aplicações em nosso dia a dia, que são os indicadores ácido-base. Para isso, apresentaremos os principais conceitos sobre estes indicadores, assim como os principais indicadores utilizados no cotidiano. No final da postagem, apresentaremos uma questão retirada diretamente do Enem, para que você compreenda como este conteúdo pode ser abordado no Exame Nacional do Ensino Médio.

Os indicadores ácido-base

Como já estudamos em postagens anteriores (e você pode conferir todo o conteúdo clicando aqui!), a escala de pH varia entre 0 e 14. Com isso, substâncias que possuem pH igual a 7 são consideradas substâncias neutras, enquanto substâncias com pH menor que 7 são consideradas ácidas e as que possuem pH entre 7 e 14 são classificadas como substâncias básicas.

No entanto, apesar de sabermos que algumas substâncias possuem caráter ácido ou básico, em algumas situações não temos ideia do pH da solução, e é aí que os indicadores ácido-base entram. Os indicadores ácido-base são substâncias que possuem a capacidade de trocar de cor de acordo com o pH do meio. Assim, conhecendo o que as colorações de cada indicador indicam, podemos determinar se a solução é ácida ou básica. Existem centenas de indicadores diferentes, mas alguns são mais comuns e aparecem com maior frequência no Enem e demais vestibulares. Veja alguns exemplos abaixo:

  • Fenolftaleína: Um dos indicadores mais conhecidos, a fenolftaleína é um indicador líquido incolor em meio ácido e rosa em meio básico.
  • Papel de tornassol: Também amplamente utilizado no dia a dia, o papel de tornassol possui coloração azul em meio básico e vermelha em meio ácido.
  • Indicador universal: Composto por uma tira de papel com uma mistura de indicadores comuns, o papel de tornassol apresenta colorações diferentes de acordo com o pH do meio.
  • Azul de bromotimol: Já o indicador azul de bromotimol possui cor amarela em meio ácido, verde em soluções neutras e azul em soluções básicas.

É interessante destacarmos que existem diversos outros indicadores ácido-base, e também que não é necessário memorizar as cores destes indicadores, mas sim o seu funcionamento, que é relativamente simples!

Questão do Enem

Como mencionamos no início desta publicação, os indicadores ácido-base possuem uma grande aplicação em nosso cotidiano, o que faz com que este assunto seja muito cobrado nas provas do Enem e demais vestibulares. Para demonstrar como este conteúdo pode ser abordado, vamos apresentar a seguir uma questão retirada da prova de 2020 do Enem (aplicação digital), que aborda os conceitos dos indicadores. Aproveite para treinar o conteúdo estudado!

“É possível identificar adulterantes do leite de vaca por meio da adição do indicador azul de bromofenol. A presença de agentes oxidantes provoca a descoloração do indicador, mantendo a cor branca na amostra, característica do leite. Substâncias redutoras presentes no leite reagem com o azul de bromofenol, gerando a cor verde. A diminuição do valor de pH do leite torna o indicador amarelo. Em pH mais elevado, o indicador adquire a cor violeta e, em meio neutro, a cor azul. Considere que um lote industrial de leite em embalagem longa vida foi adulterado com excesso de soda cáustica.

Em uma inspeção sanitária do lote adulterado, qual será a cor apresentada pelo leite após adição do indicador azul de bromofenol?”

a) Azul

b) Verde

c) Violeta

d) Branco

e) Amarelo

Alternativa correta: C.

Acesse o portal InfoEnem e tenha acesso aos melhores conteúdos e informações sobre o Enem 2021!

Por quê, Porquê, Porque e Por que: aprenda a diferença entre cada um para não errar no Enem!

A língua portuguesa é de fato muito rica e por isso traz um grande número de possibilidades para algumas palavras e isso, às vezes, pode causar dúvidas aos falantes de seu idioma. Uma dessas dúvidas mais comuns está ligada ao uso dos “porquês”. Na fala não há motivo nenhum para preocupação, mas na hora da escrita em norma padrão quase sempre é feita uma consulta para saber a diferença entre um e outro e não fazer feio no texto.
https://infoenem.com.br/por-que-porque-porque-e-por-que-aprenda-a-diferenca-entre-cada-um-para-nao-errar-no-enem/

O que é SiSU?

É o sistema informatizado do MEC por meio do qual instituições públicas de ensino superior (federais e estaduais) oferecem vagas a candidatos participantes do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio).
https://infoenem.com.br/como-funciona-o-sisu/

Manual do SISU e PROUNI

Manual do SISU e PROUNI

Receba gratuitamente

Não enviamos spam. Seu e-mail está 100% seguro!